Rua Treze de Maio, 22-50, Bauru-SP   (14) 3234-7745   contato@visaohospital.com.br
Blog
set 14

Retinoblastoma: tudo o que você precisa saber

O retinoblastoma é um tipo de câncer que atinge a retina e representa em média 3% dos tumores cancerígenos detectados na infância.

A patologia pode atingir somente um ou os dois olhos e é verificada com maior recorrência em crianças até os 2 anos de idade. Para conhecer os principais problemas ocular em crianças, veja esse artigo.

Para saber mais sobre a doença, neste artigo vamos trazer os principais pontos sobre o retinoblastoma. Continue a leitura e se surgir qualquer dúvida, procure imediatamente um médico oftalmologista especializado.

O que é retinoblastoma?

É uma mutação dos genes que controlam o desenvolvimento do olho e resulta em um câncer na retina.

Essa mutação pode ser herdada de um dos pais ou ocorrer de forma espontânea durante o desenvolvimento do embrião na gestação.

O retinoblastoma pode surgir em apenas um olho ou em ambos, sendo que 25% dos casos da doença são verificados nos 2 olhos do indivíduo. Quando diagnosticado no início, a possibilidade de cura chega a 90%, por isso é fundamental se atentar aos sinais.

Quais são os sinais e sintomas de retinoblastoma?

Os sinais mais comuns em casos de retinoblastoma em crianças de até 2 anos são a leucocoria, quando a pupila fica com aspecto esbranquiçado, e o estrabismo.

Tumores grandes podem também ocasionar em alteração na visão e quando o caso não é detectado precocemente também pode proporcionar a pessoa dores de cabeça, inflamação, vômitos e perda do apetite. Para verificar outros sintomas de problemas de visão na infância, leia esse artigo.

Como é feito o diagnóstico?

Ao visitar o médico oftalmologista de sua confiança, ele fará diversos exames para saber sobre a saúde da visão da criança.

Caso ele suspeite da presença de tumor na retina, ele irá solicitar exames mais detalhados para examinar os olhos. Entre os exames que podem detectar o retinoblastoma estão:

  • ultrassonografia;
  • exame de tomografia computadorizada;
  • ressonância magnética;
  • e cintilografia óssea.

Quando falamos de crianças abaixo de 2 anos de idade, o indicada a realização dos exames somente após anestesia geral.

Qual o tratamento para retinoblastoma?

O retinoblastoma tem tratamento e tem cura. O mais indicado para cada caso será avaliado por um junta médica capacitada em oncologia.

Em casos de retinoblastoma em apenas um olho, onde o mesmo foi fortemente afetado e já não permite mais a visão, os especialistas realizam a extração cirúrgica do globo ocular juntamente com parte do nervo óptico.

Em situações onde os dois olhos são acometidos, a possibilidade de tentar preservar um pouco da visão é tentada. Por isso, a indicação será de tratamentos com quimioterapia e radioterapia.

O retinoblastoma é uma doença severa, mas o diagnóstico precoce facilita todo o tratamento e possibilita uma melhor qualidade de vida para o indivíduo acometido.

Para continuar se informando sobre saúde, veja esse artigo de como preservar a boa saúde da sua visão e de sua família no decorrer da vida, clique aqui.

About The Author

Leave a reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.