Rua Treze de Maio, 22-50, Bauru-SP   (14) 3234-7745   contato@visaohospital.com.br
Blog
jan 07

Braile: conheça esse sistema de escrita

No dia 4 de janeiro é comemorado o dia mundial do braile. O sistema de escrita desenvolvido para proporcionar inclusão e qualidade de vida para pessoas cegas.

A escrita em relevo composta originalmente por 64 variações é utilizada em todos os países por milhões de pessoas. De acordo com estimativa da Organização Mundial da Saúde (OMS), em todo o mundo há mais de 39 milhões de pessoas cegas e 246 milhões que sofrem de perdas moderadas ou severas de visão.

E é por meio do braile que tantos indivíduos conseguem a inclusão na sociedade e espaço no mercado de trabalho. Para que você conheça um pouco mais sobre esse sistema de escrita, continue a leitura!

O que é o braile?

Trata-se de um sistema de escrita com 64 variações que formam as letras do alfabeto, os sinais de pontuação e os números. Os códigos são formados por seis pontos dispostos em duas fileiras paralelas na vertical.

Para se entender o sistema braile é preciso conhecer os códigos e passar as pontas dos dedos no papel para sentir o que está escrito em relevo. A leitura é feita da direita para a esquerda e pode ser realizada com uma ou com as duas mãos.

Graças ao braile, pessoas que nasceram cegas ou adquiriram a cegueira ao longo da vida podem aprender ler, escrever, se comunicar e conviver de forma mais harmônica em sociedade.

Como surgiu o sistema braile?

O braile é originário de Paris, na França, e foi desenvolvido por Louis Braille em 1824.

O francês que nasceu com visão, enquanto brincava na oficina da família, sofreu um acidente. Uma ferramenta escapou de sua mão e atingiu o seu olho esquerdo, o que ocasionou uma severa infecção.

A situação se agravou e atingiu também o olho direito de Louis. Aos 5 anos de idade ele ficou completamente cego. Porém, a condição não o impediu de seguir a vida.

Muito estudioso, o francês se destacava na escola. Até os 12 anos de idade, ele foi submetido ao método de leitura baseado em letras de papelão, onde as reconhecia por meio do contorno.

Após essa idade, Louis Braile tomou conhecimento de um novo sistema, conhecido por “escrita noturna”. Esse método foi desenvolvido para que os militares conseguissem ler no escuro, mas não funcionou muito bem com os soldados.

Essa técnica serviu de referência para o surgimento do braile como conhecemos hoje, o sistema foi finalizado quando Louis tinha 16 anos.

Como funciona o braile?

Abaixo você vê algumas letras do alfabeto representados pelos pontos em relevo.

Alfabeto braile

Essas letras podem ser impressas por impressoras braile e estão presentes desde livros didáticos até quadros informativos. Comece reparar a sua volta como diversas placas de sinalização, de elevadores, por exemplo, fazem uso do sistema de escrita.

Além do braile, todas as pessoas podem fazer a sua parte para auxiliar uma pessoa cega em sua rotina. Não se esqueça de sempre perguntar ao indivíduo se ele deseja ajuda e como você pode auxiliá-lo.

Agora que você já sabe um pouco mais sobre o braile, veja também esse artigo sobre 10 problemas de visão para ficar atento.

About The Author

Leave a reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.